quarta-feira, 19 de setembro de 2012


·                     Homem que gosta de ver sua mulher com outro é, pervertido, doente ou complexado?

MITO
O cuckold é um fetiche como qualquer outro fetiche, em que o homem se excita muito ao ver ou saber que sua mulher transou com outro.
(veja mais sobre isso em O fetiche do CUCKOLD - Uma fantasia a 3 )
Não há nisso nada de perversão, doença ou complexo. A grande maioria dos homens se excita só em imaginarem sua mulher com outro, mas isso em geral é reprimido por eles.
Há porém aqueles que têm isso bem mais aflorado e dão vazão à prática cuckold.

·                     O corno é voyeur? Ele só assiste e não participa?

MITO
O voyeurismo é outro fetiche diferente do cuckold. O voyeur têm excitação sexual ao ver qualquer pessoa se despindo ou transando. Já o prazer do cuckold está em ver a sua mulher com outro.
Muito embora o cuckold tenha um pouco do voyeur por gostar de ver sua mulher durante a transa, o seu fetiche é bem mais amplo e envolve diversos outros elementos de prazer.
Engana-se quem pensa que o corno apenas assiste. Ele também transa com a mulher dele, seja antes, durante ou depois do outro macho.
No menage masculino, muitas vezes ele interage na relação sexual, estimulando ainda mais sua mulher com carícias e penetração, enquanto o macho também a estimula.
Via de regra, durante a transa o corno obedece o que a mulher manda na hora. E é ela quem vai decidir se naquele encontro ela irá sozinha ou se ele poderá ir junto. Se ele estiver presente, ela pode barrar a qualquer instante as iniciativas dele e dar as ordens para ele só assistir, sair do local, ou fazer o que ela tiver vontade.
Cada variação dessas é curtida com muito prazer para os três, em principal pelo corno.
Quanto mais a mulher de corno se impuser, quanto mais forte ela for nos seus comandos, maior é o tesão que ele sente. O prazer do corno está nessa submissão à sua dona, em ter que controlar os impulsos do seu desejo de agir, ou em ter que se submeter a fazer coisas que normalmente ele não faria, mas faz porque ela deu a ordem.
Além disso, o prazer do corno está intimamente ligado à satisfação sexual e prazer que ela sente.

·                     O corno quer a mulher com outro homem na cama para comê-lo também?

MITO
Esse é um dos maiores enganos do senso comum em relação ao corno. As pessoas em geral acham que ele quer ter outro homem na cama para satisfação dele. Errado.
Para o cuckold autêntico, a sua satisfação está ligada ao prazer da sua mulher e a maioria os cornos é 100% heterossexual. 
Muito embora haja cornos bissexuais que gostem de interagir com o macho da mulher, são a exceção. Os cornos bissexuais se excitam tanto com o prazer sexual da mulher, quanto com prazer dele com o macho.
Já os cornos gays, não são cuckolds. Eles forjam uma situação cuckold porque, na realidade, estão na busca da sua satisfação homossexual e não da satisfação de sua mulher.
Nada contra a opção sexual de cada um. E cada casal deve buscar sua satisfação conforme seus desejos e vontades.
Estou aqui apenas definindo o que é uma relação cuckold e o que não é.
É sempre bom, antes de um menage,  o casal e o macho conversarem francamente e deixarem claro o que é bom para os três.

·                     O corno não dá no coro?

MITO.
O corno é um homem normal, como qualquer outro. Tão viril quanto os machos comedores de esposas. Ele não busca a relação cuckold porque ele não consegue satisfazer a mulher.
O corno busca ampliar os prazeres de sua mulher; ele quer que ela atinja níveis de tesão e orgasmo cada vez maiores. Afinal, quanto maior é o prazer dela, mais tesão ele sente.

·                     O corno gosta de ser humilhado?
VERDADE.
Assim como o corno tem um pouco de voyeur, ele também tem um pouco de sadomasoquismo, embora não se possa confundí-lo com nenhum dos dois.  O corno típico sobe seu tesão nas alturas quando a mulher ou o fodedor menospreza o pau dele, ou lhe diz coisas humilhantes, por exemplo: "olha o que estou fazendo e aprende como se fode essa tua mulher", "você só podia ser corno mesmo com essa mulher gostosa e safada", "tou gozando no pau do macho", "sai fora que eu vou me deliciar nesse macho", etc.

·                     O corno tem pau pequeno?

MITO.
O corno é um homem comum. Há cornos com pintos de todos os tamanhos.
O que acontece é que: como o prazer do corno está ligado ao prazer que a mulher sente, na cabeça dele quanto maior for o pau do macho, mais a mulher vai ficar fogosa e safada. Por isso os bem dotados são mais procurados por casais cuckolds.  

·                     O corno não ama a mulher, por isso libera ela para outros machos?

MITO.
Não há maior prova de amor de um homem à sua mulher do que a de buscar mil e um meios e formas para que ela tenha mais prazer e satisfação sexual, principalmente quando essa ampliação de prazer implicar em compartilhar sua mulher com outro macho.
O corno típico cerca sua mulher de todos os mimos e cuidados e a costuma tratar como sua dona e lhe cerca de roupas, acessórios, lingeries para que esteja sempre bonita e atraente.
Além disso, o corno autêntico costuma ser muito fiel à sua mulher, o que a maioria dos homens comuns não são.

·                     O homem que não gosta de ver a mulher com outro, mas ela o trai sem saber, ele é corno?

MITO.
Aqui neste blog ao falarmos de corno, nos referimos ao homem que tem o fetiche cuckold. Nos casos em que a mulher trai sem que ele saiba, embora se use comumente o termo "corno" para seu marido, não necessariamente ele é um cuckold. 
Se esse marido for cuckold, os dois estão perdendo tempo e muito tesão por não conversarem abertamente sobre isso.

·                     Há traição na relação cuckold?

MITO.
Na relação cuckold há consentimento. Mesmo quando ela sai com outro homem sozinha, o casal está desfrutando junto o prazer. Ele curte cada detalhe que ele fica sabendo e até do que ele fica imaginando sobre o que pode ter ou não acontecido.
Traição é fazer pelas costas. Quando há consentimento, não há traição.

·                     O corno gosta de lamber a mulher esporrada por outro?

VERDADE.
Muito embora não sejam todos que gostem de lamber sêmem. Porém, todas as coisas que comprovam que a mulher esteve com outro macho são objetos de muita excitação para o cuckold.
Não há nada pior para um corno, que sua mulher tomar banho depois da transa com o macho e chegar em  casa sem cheiro de sexo. 
E nada comprova mais que uma mulher fodeu com outro do que uma buceta toda esporrada.
Por isso, quem se excita muito ao ver uma buceta esporrada, com toda certeza é cuckold. Pode até ser um corno-enrustido, mas com toda certeza é corno.


ios:

2 comentários:

  1. Sou de Santos Sp.
    Sou negro, 20cm de dote e discreto.
    Aos interessados (cornos) e interessadas : afro0paulo@gmail.com

    ResponderExcluir